Menu

A luta pela data-base precisa de você. Entenda os próximos passos

Só a força dos trabalhadores pode convencer Ratinho Jr a pagar a data-base. É preciso lotar a Praça Nossa Senhora de Salete nesta quarta (26)
25/06/2019


Várias categorias de servidores públicos estaduais iniciaram nesta terça-feira (25) uma greve por tempo indeterminado para pressionar o governador Ratinho Jr (PSD) a pagar a data-base dos trabalhadores do Poder Executivo. Com calote desde 2016, os servidores já amargam mais de 17% de perda salarial.

Por força de uma decisão liminar do Tribunal de Justiça do Paraná, de 26/04, os agentes penitenciários não puderam entrar em greve, mas não recuaram da luta. Em Curitiba, os agentes de folga fortaleceram o movimento em frente ao Palácio Iguaçu.

Nas unidades penais de todo o Estado, a categoria também realizou uma operação de segurança em decorrência do anúncio de aquartelamento da Polícia Militar. 

O presidente do SINDARSPEN, Ricardo Miranda, juntamente com a coordenação do Fórum de Entidades Sindicais (FES), participou de reuniões com deputados estaduais da bancada em Defesa do Serviço Público e com gestores do alto escalão do governo para buscar que nesta quarta (26) o governador receba uma comissão de servidores para tratar do pagamento da reposição.

Vários estudos apontam que há condições fiscais e orçamentárias para o governo pagar a data-base dos servidores dos últimos 12 meses, de 4,94%, além de 1% em outubro e 1% em dezembro. 

Precisamos lotar o Centro Cívico nesta quarta 

O governador Ratinho Jr tem deixado claro que só tem uma preocupação: como ficará sua imagem com cada passo que ele dá.

O pagamento da reposição das perdas salariais dos servidores depende do quão ele se sentir pressionado a pagar os direitos dos trabalhadores. Pra isso, precisamos lotar a Praça Nossa Senhora de Salete nesta quarta (26), a partir das 9h.

A equipe do governo vai receber o FES e precisamos mostrar que estamos unidos em prol dessa causa. 

Sem mobilização não haverá vitória. Esperamos por vocês. 


Tags: