SINDARSPEN solicita que DEPEN torne público critérios no escalonamento de vacinação dos servidores da pasta



O Sindicato dos Policiais Penais do Paraná solicitou nesta sexta-feira (16) que o Departamento Penitenciário torne público quais os critérios adotados no chamamento dos servidores da pasta para a imunização contra o coronavírus. 

No último dia 01, o Governo do Estado anunciou que estava iniciando a vacinação dos servidores das Forças de Segurança e Salvamento e incluiu os policiais penais e agentes de cadeia entre os profissionais desse grupo. Porém, apenas 100 das 2.277 doses disponibilizadas na primeira remessa foram destinadas aos trabalhadores do sistema penitenciário.

Diante da escassez de vacina – que ainda persiste no Paraná – a vacinação seguirá sendo aplicada forma escalonada e é necessário que o DEPEN informe à categoria quais os critérios que estão sendo adotados na convocação para a imunização.

No ofício protocolado nesta tarde, o SINDARSPEN fez os seguintes questionamentos:

No documento, o Sindicato ressaltou que essas respostas são essenciais para tranquilizar toda uma categoria profissional ansiosa pela imunização diante de tantos riscos que correm em sua atividade profissional.