Policiais penais participam de ato pela data-base

Nos últimos seis anos, a renda dos servidores caiu mais de 30% pelas perdas inflacionárias não repostas pelo Executivo.



Policiais penais da ativa e aposentados participaram hoje (terça-feira) de mais um ato de cobrança pelo pagamento da data-base para os servidores públicos estaduais.

Nos últimos seis anos, a renda dos servidores caiu mais de 30% pelas perdas inflacionárias não repostas pelo Executivo.

Além da data-base, o ato também pediu o ajuste no desconto previdenciário dos servidores inativos. Atualmente, o desconto é feito sobre o salário de todos os aposentados que recebem acima de três salários mínimos, e os sindicatos reivindicam seja feito apenas para quem recebe acima de R$ 7.087,22 (valor do teto do INSS).

A mobilização dos trabalhadores fez com que o secretário de Administração do estado, Elisandro Pires Frigo, recebesse representantes dos sindicatos. A presidente do SINDARSPEN, Vanderleia Leite, acompanhou a reunião. Amanhã, as lideranças serão recebidas pelo secretário da Fazenda, Renê de Oliveira Garcia Júnior, pelo diretor-presidente da PRPrevi, Felipe Vidigal, e pelo chefe da Casa Civil, João Ortega, para tratar da questão. 

O ato desta terça foi organizado pelos sindicatos que integram o Fórum de Entidades Sindicais (FES).

Clique aqui e confira mais fotos.