Menu

Futuro órgão de Polícia Penal do Paraná tem que ser comandado por policial penal de carreira

Posição foi reafirmada em reunião virtual da categoria realizada nesta segunda-feira. A questão já é consenso entre o SINDARSPEN, SESP e DEPEN.
29/03/2021


Em reunião virtual realizada com o SINDARSPEN, na manhã desta segunda-feira (29), os policiais penais do Paraná reafirmaram a posição de que o futuro Departamento de Polícia Penal do estado seja comandado obrigatoriamente por um membro da carreira.

O Sindicato convocou a base para a reunião de hoje porque recebeu informações de que tem havido pessoas de outros setores se mobilizando para impedir que a PEC estadual da Polícia Penal expresse a determinação de que o comando da pasta fique a cargo de policial penal de carreira. A questão já é consenso entre o SINDARSPEN, a Secretaria de Segurança Pública e o Departamento Penitenciário.

Durante o encontro virtual, o vice-diretor do DEPEN, Luiz Silveira, ratificou a posição do órgão em fazer valer o consenso entre trabalhadores, DEPEN e SESP de que cabe aos policiais penais o protagonismo de seu futuro órgão.

A previsão é de que a PEC estadual seja encaminhada pela Casa Civil para a Assembleia Legislativa ainda nesta semana.

Apoios importantes

Além do apoio da SESP e DEPEN nessa luta, o SINDARSPEN também conseguiu que, na semana passada, a audiência pública que debateu na ALEP os desafio e demandas dos servidores da segurança aprovasse uma moção recomendando que o Governo do Estado assegure o acordado com os trabalhadores.

Por meio da UFS - União dos Servidores das Forças de Segurança do Paraná, o SINDARSPEN também está buscando manifestação pública de entidades de outras carreiras da segurança pública de que a gestão do futuro órgão de Polícia Penal seja obrigatoriamente gerido um servidor dessa carreira.  

Quanto ao apoio à aprovação da PEC estadual da Polícia Penal, deputados das mais variadas bancadas (situação, oposição, segurança pública, direitos humanos etc) já assinaram documento se comprometendo com a questão, assim como gravaram vídeos em apoio à matéria.

Envolvimento de todos

Por causa da pandemia e com os trabalhos presenciais suspensos na Assembleia Legislativa, tão logo o texto da PEC estadual chegue ao parlamento, é fundamental que a categoria fortaleça as campanhas digitais que serão realizadas pelo SINDARSPEN, compartilhando em suas redes e enviando mensagens aos deputados estaduais em busca desse apoio.

Fique atento às mensagens do Sindicato e compartilhe. 


Tags: PEC estadual da Polícia Penal, regulamentação